Disciplina Positiva

Disciplina Positiva

Gabriela Brandão - terapeuta familiar

Instagram: https://www.instagram.com/dicaspaisefilhos/

Blog: https://dicaspaisefilhos.com.br/

Você sabe o que é Disciplina Positiva? Ela é uma abordagem de ensino-aprendizagem que foca especialmente no desenvolvimento da resiliência, da disciplina e do respeito. Baseada em pesquisas dos psiquiatras Alfred Adler e Rudolf Dreikurs, essa teoria se tornou bastante popular nos anos 80, com a publicação do livro Positive Discipline, da Dra. Jane Nelsen.

A Disciplina Positiva tem como principais preceitos o afeto, o respeito e o aprendizado mútuo, levando em consideração que o adulto também aprende com a criança, adapta seu modo de educar, e deve sempre impor limites, baseando as regras na empatia e no amor. É importante saber que o conceito de “infância” é uma invenção recente, que surgiu após a revolução industrial, fato que marcou muitas mudanças no cuidado e tratamento dado às crianças. Disto decorreram novas teorias para auxiliar na educação, tanto em casa como em ambientes como as salas de aula.

A Disciplina Positiva pode auxiliar tanto os  profissionais da educação como os pais e pessoas próximas às crianças, pois traz pontos de vista interessantes para lidar com o desenvolvimento dos pequenos. A abordagem entende que a partir destas noções as crianças podem aprender sobre como ter comprometimento, responsabilidade e como se sentirem parte integrante de uma sociedade, para que futuramente possam contribuir positivamente de forma geral.

Por estar fundamentada nos conceitos anteriormente citados, a Disciplina Positiva rejeita comportamentos e atitudes como castigos, xingamentos, ameaças ou qualquer tipo de violência, a ideia é que a criança seja sempre tratada com respeito, para que possa repetir o comportamento com outras pessoas, aprendendo a ter senso crítico e priorizando sempre o diálogo. Elogios e recompensas são bem-vindos, porém, devemos tomar cuidado para não utilizar estes recursos na forma de chantagens, o que pode passar a ideia errada para a criança. A noção de que ela só fará algo para receber outra coisa em troca não desperta o senso de responsabilidade e isso pode gerar consequências problemáticas.

Em resumo, essa teoria vem para auxiliar adultos no tratamento com a crianças, prezando sempre pelo respeito, empatia, diálogo e limites, sempre com firmeza e afeto. Ao entender um pouco mais sobre a Disciplina Positiva, e ao levar à prática com nossos filhos, é possível ter diversos benefícios na rotina e desenvolvimento das crianças.

Publicado em: 02/06/2022

Postados recentemente

Hipertensão e estresse: tem relação?
Relacionamento Abusivo
Transtorno Borderline